Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BRUXELAS

BRUXELAS

UE “privatiza” Beatles e Elvis

 

 

A União Europeia (UE) está prestes a aprovar o prolongamento dos direitos de autor em matéria musical dos actuais 50 para 70 anos. Desta forma, clássicos gravados antes da década de 60 - dos Beatles, de Elvis e de tantos outros - já não estarão livres para circular no mercado interno.
A proposta inicial da Comissão Europeia (CE) perspectivava uma extensão até aos 95 anos, posteriormente “cortada” pelo Conselho até aos previstos 70. A proposta da CE  visa, entre outras coisas, “ajudar milhares de músicos anónimos” e “harmonizar” as leis vigentes nos diferentes estados-membros. Opinião diferente têm diversos artistas e grupos de consumidores que alegam que a medida apenas beneficia as grandes empresas discográficas.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.