Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BRUXELAS

BRUXELAS

Money goes East

A comissária nomeada para a pasta da Inovação, Máire Geoghegan-Quinn, destacou na sua audição no Parlamento Europeu, que parte dos 86 mil milhões de euros de fundos estruturais destinados à economia do conhecimento poderão vir a ser aplicados numa estratégia de longo-prazo para desenvolver as estruturas científicas da Europa central e de leste. A comissária declarou ainda que pretende prosseguir uma política de acção que concretize um novo conceito de economia: "In the new economy, refined knowledge will replace crude oil as the economy's prime motive force". Independentemente do optimismo eventualmente excessivo, há aqui uma informação muito útil que já devíamos conhecer: as verbas estão a deslocar-se para leste. Mesmo as verbas da investigação.