Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BRUXELAS

BRUXELAS

Os veículos eléctricos e os hábitos de mobilidade dos condutores europeus

 

Um inquérito levado a cabo pelo Centro Comum de Investigação da Comissão Europeia em vários países europeus revelou que não só os perfis de condução da maioria dos condutores europeus são compatíveis com a utilização de veículos eléctricos, como as distâncias médias habitualmente percorridas pelos mesmos – tanto durante a semana como ao fim de semana – podem ser percorridas pela actual geração de veículos eléctricos, salientando-se também que os períodos de tempo nos quais os veículos estão habitualmente  em repouso são suficientes para a sua recarga.

 

As maior dificuldades identificadas pelo inquérito relacionam-se com certas percepções dos condutores relativamente aos veículos eléctricos que ainda persistem, nomeadamente as referentes à autonomia limitada destes veículos, ao seu preço – cfr. o círculo vicioso referido pela Comissão Europeia -, e a actual falta de informação relativamente à electro-mobilidade (incluindo os vários aspectos referentes à manutenção diária dos veículos eléctricos). Todos estes factores se conjugam, impedindo os utilizadores de encarar a electro-mobilidade como uma alternativa válida face aos veículos convencionais.