Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

BRUXELAS

BRUXELAS

Nova estratégia de inovação europeia: patentes e novas formas de financiamento

Segundo a Comissão Europeia, quando se trata de inovação, há muitas ideias que não chegam a ser realidade.  E se a inovação é uma das linhas estratégicas para desenvolver a competitividade, europeia, esta realidade tem várias consequências negativas, como o declínio deste mercado com a concorrência principal do mercado asiático.

De modo a combater a falta de inovação, a Comissão Europeia quer alocar fundos estruturais e remover obstáculos que dificultem o processo de comercialização das ideias.

Além disso, a Comissão Europeia afirma que o aumento de investimento em Inovação e Desenvolvimento (I&D) pode vir a criar 3,7 milhões de empregos assim como um aumento de 795 mil milhões de euros no PIB europeu até 2025.

Ao mesmo tempo, a Comissária Europeia para Pesquisa, Inovação e Ciência, Máire Geoghegan-Quin defende que se deve anular a fuga de cérebros da Europa face à necessidade de 1 milhão de novos investigadores.

Diz a UE que tudo isto serve um propósito: ser  uma União Inovadora. Veremos. E participaremos, ou não, conforme a nossa capacidade e empenho.

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.