Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BRUXELAS

BRUXELAS

Register: 2nd INNOVATION SESSIONS with Commissioner Moedas on 21 November 2017, Brussels

innovation.png

 

With the participation of the Commissioner for Research, Science and Innovation, Carlos Moedas, the Portuguese Trade & Investment Agency (AICEP), in cooperation with the Confederation of Portuguese Business (CIP), the Portuguese Agency for Innovation (ANI), the European Economic and Social Committee (EESC) and Eupportunitywould like to invite you to participate in the second “Innovation Sessions”, an event to present and debate perspectives on innovative sectors. 
 
The 2017 edition of the Innovation Sessions will focus on Industrial Digitalization and on European Mobility.
 

The Innovation Sessions brings together key actors from the European Institutions and main stakeholders from both public and private sector, in an interactive format in view of stimulating the debate and developing partnerships.

 

The event will take place at the European Economic and Social Committeein Brussels, on 21/11/2017 from 8h30 to 15h00, including a light lunch.

 

Agenda and registration are available here.

Preparativos para a estratégia europeia sobre tecnologia financeira

 

Tendo em consideração que o desenvolvimento tecnológico proporciona um grande leque de oportunidades para as instituições financeiras, para fornecedores de serviços alternativos e para novos modelos de negócio, a Comissão Europeia pretende desenvolver uma estratégia em matéria de tecnologia financeira.

 

Para esse efeito, criou o Grupo de Trabalho sobre Tecnologia Financeira (Task Force on Financial Technology) que deverá desenvolver estratégias para abordar os potenciais desafios que a esta tecnologia enfrenta em matéria de inovação. Este grupo de trabalho intergra funcionários da Comissão que trabalham em domínios diversos, como os serviços financeiros, os serviços digitais, a inovação digital, a segurança, a concorrência e a protecção dos consumidores.

 

As primeiras sugestões e recomendações deste grupo são esperadas durante a primeira metade de 2017.

 

Habemus e-livrum

 

A Comissão Europeia (CE) e federações industriais negociaram um memorando de entendimento entre editores, livreiros e detentores de direitos de autor para que inúmeros livros, que ganham pó nas prateleiras comunitárias, possam ser digitalizados, propiciando a sua descoberta por novos leitores.

 

Este acordo pan-europeu permite que os livros que já não estão a ser publicados ou vendidos, possam ganhar nova vida. Dessa forma, os editores ganham a possibilidade de os revender em linha e os leitores podem obtê-los à distância de um clique. Para esse fim, o projecto ARROW é crucial pois permite, em poucos minutos, descobrir os detentores dos direitos de dezenas de milhares de livros.

 

O acordo não contempla as denominadas obras órfãs, i.e. aqueles livros cujos autores são desconhecidos. Mas a CE tem-nos já debaixo de olho.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.