Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BRUXELAS

BRUXELAS

França a marcar terreno no debate do orçamento para 2012

 

 

 

 

 

O Governo Francês disse à Comissão Europeia que é “prioritário” reduzir o orçamento para a política de coesão.

 

Segundo alguns ministros de Sarkozy, as regiões já não precisam de fundos estruturais a partir de determinado nível de desenvolvimento.


No entanto isto vem contrariar os mais recentes esforços da Comissão, no quinto relatório sobre a política de coesão, para flexibilizar e tornar o sistema mais eficiente através da criação de uma nova categoria para a atribuição de fundos para regiões cujo PIB encontra-se entre os 75% e 90% da média europeia.


A Comissão quer que o próximo orçamento dê prioridade às verbas para a competitividade para promover a economia europeia e menos atenção à agricultura e desenvolvimento regional.

 

França aposta na energia eólica

 

 

 

 

 

Nicolas Sarkozy anunciou um investimento de 10 mil milhões de euros em 600 turbinas que vão produzir energia eólica.

O projecto segue a directiva comunitária de 2008 para promover a utilização das energias renováveis.

Na altura, foi estabelecido, para cada estado-membro, um objectivo individual para que, em 2020, seja possível alcançar uma quota global de 20% de energias renováveis na Europa.

Os ambientalistas saúdam a iniciativa do presidente francês, mas temem que o país tenha investido demasiado tarde neste projecto e que não seja capaz de atingir as metas propostas pela estratégia de política energética.

O objectivo da França é ser capaz de produzir 25GW de energia eólica em 2020 e assim cobrir 23% das necessidades energéticas do país.

 

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.