Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BRUXELAS

BRUXELAS

União Europeia da Energia

ID-10082631-400x272.jpg

A Comissão lançou as bases daquilo que será a União Europeia da Energia, um passo essencial para a conclusão do mercado único da energia e para reformar o modo como a Europa produz, transporta e consome energia. A União Europeia, neste momento, importa 55% da energia que consome e sente uma necessidade cada vez mais premente de diversificar as suas fontes de abastecimento. É, ainda, necessário limitar o impacto das alterações climáticas e manter a energia a preços acessíveis, nomeadamente utilizando mais energia de fontes renováveis e melhorando a eficiência energética.

 

Para além disso, as infraestrururas existentes estão a envelhecer e é necessário criar novos corredores para agilizar o transporte de energia dentro do mercado interno.

Maroš Šefčovič, Vice-Presidente para a União da Energia afirmou que "as nossas políticas energéticas actuais são totalmente insustentáveis e temos uma necessidade urgente de reorganização. Os cidadãos devem estar no centro da nossa política energética. (...). A União Europeia da Energia pretende romper com a cultura de silos e trazer para a mesma mesa todos os actores relevantes - em suma, a União Europeia da Energia irá ser uma nova forma de fazer política energética na Europa".

A estratégia-quadro da União Energia será adoptada no próximo dia 25 de Fevereiro.